Novo decreto regulamenta funcionamento do comércio em Maringá

, , Leave a comment

Novo decreto editado pelo prefeito de Maringá, Ulisses Maia, dispõe sobre prorrogação de prazos administrativos e medidas adicionais adotadas durante a pandemia de covid-19.

Entre as medidas, destacam-se atividades que poderão funcionar seguindo os horários estabelecidos: shoppings centers, de segunda a sábado, das 11hs às 22hs; comércio de rua, galerias e centros comerciais, de segunda a sexta das 10h às 18h, e aos sábados das 9h às 13h; e pet shops, de segunda a sábado, das 8h às 18h.

O decreto favorece atividades promovidas pelo comércio, como a Maringá liquida que seguirá até sábado quando funcionará das 9hs às 13hs para o comércio de rua e das 11hs às 22hs para os shoppings.

A Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim) considera que, como o decreto municipal 1331/2020 permite que esses estabelecimentos voltem a abrir aos sábados, a campanha Maringá Liquida foi estendida. Centenas de lojas de bairro, região central e shoppings participam.
A novidade desta edição é que os consumidores também podem fazer compras online em www.maringaliquida.com.br. Assim, o consumidor tem a opção de receber as compras em casa, retirar na loja ou comprar presencialmente. Em todas as formas de compra, o consumidor ganha uma raspadinha em compras a partir de R$ 100. E se encontrar a raspadinha premiada, ganha R$ 100 na mesma loja onde efetuou as compras. São quase R$ 100 mil em prêmios. A Maringá Liquida é uma realização da Acim e Sivamar./Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Maringá e da Acim.

Confira o teor do Decreto 1331/2020 publicado hoje, 10:

DECRETO N.º 1331/2020
DISPÕE SOBRE PRORROGAÇÃO DE PRAZOS ADMINISTRATIVOS E MEDIDAS ADICIONAIS ADOTADAS DURANTE O ENFRENTAMENTO DA PANDEMIA DECORRENTE DO CORONAVÍRUS (COVID-19).
O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ, ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais, DECRETA:
Art. 1º. Ficam prorrogados, enquanto perdurar a situação de emergência declarada no Decreto 445/2020, de 18 de março de
2020, a partir de seus vencimentos, os prazos de que trata o art. 6º, inciso III, do Decreto 436/2020: “o curso de tramitação
de todos os processos administrativos no âmbito municipal, excetuando-se aqueles relacionados às áreas da saúde pública, meio ambiente e segurança, incluindo-se o prazo de defesa, recurso, ou sustentação oral, bem como vistas aos autos
administrativos físicos”.
Parágrafo único. Ficam igualmente excetuados da norma legal do caput deste artigo, o curso de tramitação e os prazos dos processos administrativos das seguintes áreas da administração municipal:
I – processos licitatórios;
II – processos administrativos em geral cuja tramitação seja necessária para evitar a prescrição ou decadência de direito da administração municipal ou do cidadão/contribuinte;
Art. 2º. Fica revogado o § 8º do artigo 6º do decreto 637/2020, modificado pelo Decreto 798/2020, que trata de consumo nos serviços de alimentação dos shoppings centers e galerias comerciais.
Art. 3º. Os clubes sociais e associações recreativas ficam autorizados a funcionar todos os dias até às 22h, com as seguintes atividades:
I – Academia de ginástica, respeitando as regras da portaria 070/2020 de 18/08/2020 da Secretaria de Saúde do Município, com funcionamento de segunda à sexta-feira;
II – Salão de Festa, conforme regras do artigo 3º do decreto nº 1057/2020 de 04/08/2020;
III – Os espaços para a prática de esportes individuais ou de duplas;
IV – Piscinas com utilização de raias alternadas.
Parágrafo Único. Os espaços para a prática de esportes podem ser utilizados todos os dias, recomendando-se a não participação de
pessoas menores de 12 anos e maiores de 60 anos.
Art. 4º. As atividades abaixo poderão funcionar seguindo os horários estabelecidos:
I – Shopping Centers: segunda a sábado das 11h às 22h;
II – Comércio de rua, galerias e centros comerciais: segunda a sexta das 10h às 18h, e aos sábados das 9h às 13h.
III – Pet shops: segunda a sábado, das 8h às 18h.

Parágrafo único: No dia 12 de setembro, excepcionalmente, o comércio de rua, galerias e centros comerciais poderão funcionar das 9h às 18h.
Art. 5º. Ficam autorizadas as atividades que possuam pistas de boliche, com capacidade reduzida e respeitando as seguintes normas de segurança:
I – As pistas de boliche deverão funcionar de forma intercalada;
II – Serão permitidas até 06 (seis) pessoas por pista, com utilização de luvas pelos usuários.
III – Os móveis e utensílios das pistas de boliche deverão ser higienizados a cada troca de clientes;
IV – As pistas deverão possuir ao menos um frasco de álcool gel 70º INPM a disposição dos clientes.
Parágrafo único. Festas de aniversários e eventos realizados nos estabelecimentos deverão respeitar o limite máximo de 30 (trinta) pessoas.
Art. 6º. Os ambientes das áreas de lazer, quadras de esportes, piscinas e academias dos condomínios residenciais deverão respeitar as normas sanitárias de segurança e distanciamento social, publicadas pela Secretaria Municipal de Saúde na Portaria nº 70/2020 de 19/08/2020, sendo responsabilidade do síndico organizar o agendamento e demais medidas para evitar aglomeração de pessoas nas áreas comuns, ficando revogado o artigo 15 do decreto 1004/2020 de 20/07/2020.
Art. 7º. Templos religiosos estão autorizados a realizar até cinco celebrações presenciais semanais de Segunda a Domingo, atendendo as regras do artigo 7º do decreto n ° 1004/2020.
Art. 8º. Continuam em vigor os decretos anteriores relacionados ao combate da pandemia do Coronavírus, revogando-se as disposições que contrariem o presente decreto.
Art. 9º. Este decreto entra em vigor na data de sua publicação, podendo ser revisto a qualquer momento, de acordo com recomendação da equipe técnica da Secretaria de Saúde do Município.
Paço Municipal, 9 de setembro de 2020.
ULISSES DE JESUS MAIA KOTSIFAS
Prefeito Municipal

 

 

 

Deixe um comentário