Sala do Empreendedor concede mais crédito para MEIs

, , Leave a comment

A Sala do Empreendedor de Maringá assinou novos contratos de créditos para MEIs maringaenses. Somente na semana passada recebeu 57 propostas. Sendo desde final de março até hoje, 250 propostas recebidas, com 85 pequenas empresas beneficiadas, 79 estão em análise cadastral, 65 são cadastradas e outras 21 já em emissão de contrato para receber o crédito. “Vamos pagar contas e manter a empresa aberta”, comentou o proprietário da prestadora de serviços de informática Arcco, Hugo Andreo Ferro. Ele assinou contrato no final da tarde da última sexta-feira, 5.
Ele trabalha em casa com a esposa Sandra Pagani. Eles receberão R$ 3 mil, com juros de 0,41% ao mês, com 36 meses para pagar e carência de 12 meses para começar a quitar. Juro na Sala do Empreendedor é quatro vezes menor que dos estabelecimentos de mercado que casal pesquisou procurando linhas de créditos.
O casal ficou sabendo do crédito em reportagem na imprensa. E já tomou outras medidas econômicas durante pandemia de coronavírus. Como renegociar mensalidade das escola dos dois filhos e valor do aluguel da casa onde família reside e empresa opera.
Gerente da Sala do Empreendedor de Maringá, Cassia Mendonça, comenta que programas de crédito para MEIs maringaenses é um apoio da prefeitura nesse período de pandemia de coronavírus. Confira quais são os programas disponíveis para MEIs. Outras medidas da Secretaria de Fazenda também estão nos decretos. Como suspensão por um período de processos administrativos, prorrogação de prazo para pagamentos de impostos e vencimentos de documentos, medidas de fiscalização, verba para ajudar empresas para folha de pagamentos, entre outros procedimentos.
A Sala do Empreendedor de Maringá fica no térreo do Paço Municipal. Porém, atendimento presencial está suspenso. Contatos podem ser feitos pelo telefone (44) 3221-1295 ou 99118-3374 e também pelo email [email protected]
• Saiba mais sobre crédito para MEIs em Maringá.
*Fonte: Prefeitura de Maringá/Foto:Aldemir de Moraes/PMM.
 

Deixe um comentário